Translate the blog:

segunda-feira, 13 de julho de 2009

O Poder do Aloe Vera

XXXIV
Já todos vimos, nas prateleiras dos super-hiper-macro mercados, produtos de variadíssima gama, contendo esse milagre: o aloe vera.
É, sem dúvida, um ingrediente misterioso e mágico. Faz lembrar um cruzamento entre a mezinha da avó, e uma descoberta farmacológica, por botânicos, que vivem há 20 anos na selva.

Este prodígio vegetal, com propriedades verdadeiramente inigualáveis, afasta toda e qualquer concorrência com facilidade. Outros vieram antes dele, mas nunca nenhum com as mesmas capacidades inesgotáveis medicinais e estéticas. Nem, tão pouco, com uma campanha publicitária tão bem sucedida.
.
*
.
- Primeiro veio o ginseng, produto maravilhoso que é usado, desde há milhares de anos, por gente de todas as idades e feitios, na longínqua Ásia (China, Japão, Coreia, Vietname, Nepal, Butão, Tailândia, Cambodja, Laos) para praticamente TODAS as finalidades.
.


E, convenhamos, quando comprado em embalagem, com a irresistível mística dos caracteres chineses a dourado sobre o fundo vermelho, dá-lhe logo um ar que cura - mesmo sem desembalar.

*

Depois há o gingko biloba, que começou por se infiltrar nos sumos (ditos naturais), e depois num cremezito ou outro. A folha, tão característica, faz sempre questão de aparecer com grande destaque no rótulo do produto, conferindo-lhe requintes de talismã sanitário.

Mas não se fica por aqui. Fiquem os estimados sabendo que esta verdura é multifacetada: ela é infusão, é uso tópico, é gota para o ouvido, é creme para as mãos. Ai, gingko biloba, o que faria sem ti?

*

E ainda: a soberana de todas as leguminosas (uma espécie de Paris Hilton do Jet 7 macrobiótico), a raínha da saúde bio-eco: a Soja!

A verdadeira e camaleónica deusa da fertilidade utilitária, da esfera leguminosa: soja em grão, em naco, em queijo, rebentos de soja, hamburguer de soja, leite de soja, molho, óleo, manteiga, e etc. Depreende-se claramente, pela extensão da sua aplicação, que não há nada que este pequenino feijão não faça, em prol da Humanidade.

*

Por fim, a grande vedeta deste post, bem como de tantos inúmeros artigos que nos invadem os dias. Estamos a falar de... Aloe Vera!

Não há, neste planeta, produto NENHUM que não beneficie da presença, mesmo que seja só um vestígio ínfimo, do Aloe Vera: Iogurtes, champoos, gel, creme para as rugas, amaciador da roupa, detergentes, ambientadores, palmilhas, espuma de barbear, dentífricos, sumos, batons, cosmética, desodorizantes, perfumes...

Toda uma incrível paleta de variados items, abençoados pelo toque de Midas deste vegetal divino, desfilam pelos corredores apinhados. Não se sabe bem de onde vem, para onde vai, e o que faz aqui. Aliás, a questão que se impõe é precisamente a oposta: - o que é que o Aloe Vera NÃO faz?!? Porque, no seu vasto currículo, é sabido que não só desinfecta como nutre, tonifica, reafirma, dilui, relaxa, perfuma, alisa, protege dos insectos, cura a enxaqueca e a indigestão, o pé chato, os bicos de papagaio e afasta a malapata e o mau olhado. Para além de dar sorte, pendurado no retrovisor de um qualquer Fiat Uno branco de 92, junto aos dados felpudos violeta.

***

Na minha opinião, foi um trabalho de marketing assim, que fez falta aos produtos nacionais. Não tenho dúvidas de que, se a semente da fabácea tivesse este tipo de tratamento de imagem, estaríamos agora a assistir a um boom de exportação de produtos à base de tremoço, que catapultaria o país para a abundância babilónica.

É de notar que: o tremoço, apesar de ser visto vulgarmente como um simples aperitivo, é mais nutritivo que o leite ou mesmo a carne. É rico em proteínas e vitaminas do complexo B e E, cálcio, fósforo, potássio, ferro, fibras e ácidos gordos insaturados (Ómega 3 e 6). É benéfico para os ossos. Para o bom funcionamento do trânsito intestinal. Ajuda a controlar a taxa de açúcar no sangue, o colesterol e ainda reduz o apetite. Mas não é tudo: Graças às suas propriedades emolientes, diuréticas e cicatrizantes, favorecem a renovação das próprias células. Cuide de Si - Consuma TREMOÇO!

.

Lupinicultores do mundo inteiro: Uni-vos!

- Tremoço é FIXE, e o resto que se lixe -

.

1 comentário:

  1. PARA QUANDO O PROXIMO POST? DE FERIAS?


    SALUDOS DESDE GALICIA...

    ResponderEliminar

Participa já e habilita-te a ganhar um fantástico robô de cozinha ou um jogo de cama em terylene estampado com cornucópias douradas!

Macaquinhos no Mundo: